Caminhoneiro

Pesquisa revela mudança no perfil dos caminhoneiros

Durante o período de 15 anos nota uma transformação na categoria

Uma pesquisa desenvolvida pelo departamento de psicologia da Universidade Federal de Sergipe(UFS) com pesquisadores do laboratório de sexualidade, saúde e desenvolvimento, mostra um pouco das mudanças do perfil caminhoneiro nos últimos tempos.

A pesquisa que já é realizada há 15 anos, hoje nota a transformação na categoria caminhoneira e enfoca no envolvimento do profissional com o comércio da sexualização nas estradas, mas que estuda outros fatores por trás da classe.

O estudo começou indo diretamente aos profissionais das estradas, ouvindo os caminhoneiros com relatos do seu cotidiano e das vivências que já passaram no âmbito profissional.

Os pesquisadores vão atrás dos caminhoneiros em pontos estratégicos como locais de parada para conseguirem obter o máximo de informações possíveis dos profissionais, além de poderem observar o comportamento dos entrevistados.

Desde o início da pesquisa(15 anos atrás) um dos fatores que mais chamaram a atenção foi o uso do celular pelos caminhoneiros, já que na década passada poucos profissionais tinham acesso ao aparelho, vivência bem diferente dos dias de hoje.

Muitos têm como o uso do aparelho celular se comunicarem com a família não deixando de falar com os entes queridos por tanto tempo como antes, outros usam o aparelho para educação fazendo cursos EAD(educação à distância) e muitos caminhoneiros tem o uso do celular como continuação da ferramenta de trabalho contratando fretes por meio virtual.

A pesquisa também apontou uma redução significativa no salário de caminhoneiros CLT e da renda dos profissionais autônomos. Outra mudança nos caminhoneiros foi a auto intitulação para certos serviços.

Os motoristas estão eles mesmos realizando algumas manutenções no veículo dispensando o trabalho da oficina e também realizando as refeições dentro do próprio caminhão. Fatos que deixam os caminhoneiros cada vez mais longe dos seus lares.

A pesquisa também perguntou aos profissionais se tiveram algum tipo de relação sexual com menores de idade nas estradas. No início do estudo(15 anos atrás) 36% confirmaram fazerem sexo pago com crianças e adolescentes, número que caiu para 10% na última edição do estudo que já foi realizado quatro vezes.

Um desses pesquisadores que fizeram esse trabalho de campo analisa o perfil do caminhoneiro.

“Nas duas últimas edições da pesquisa eu estive em campo né, e pude constatar a relevância dessa pesquisa para o caminhoneiro e também pra gente enquanto sociedade, pra gente poder compreender como esses profissionais impactam diretamente nas nossas vidas, como o seu papel é de suma importância e como eles precisam ser cada vez mais ouvidos.”

Vídeo: TV UFS

Redação – Brasil do Trecho

Esta postagem foi publicada em 17 de junho de 2022 07:00

Compartilhar
João Neto

Sou apaixonado pelo empreendedorismo, caminhão e ônibus e Hoje me dedico 100% aos amigos caminhoneiros com noticias e dicas da estrada.

Deixe um comentário

Postagens recentes

Caminhoneiro alerta motoristas sobre distância de segurança entre os carros

A diva é muito importante durante períodos chuvosos O caminhoneiro do canal do YouTube diário…

9 horas atrás

Caminhoneiro com caminhão quebrado ganha surpresa inimaginável

Caminhoneiro é surpreendido por caminhonete na estrada Um vídeo muito emocionante divulgado pelo canal do…

9 horas atrás

Caminhoneiro irritado joga mercadoria no chão após manobra

Praticamente toda carga caiu após manobra realizada pelo motorista Que os ânimos dos caminhoneiros estão…

9 horas atrás

Nova bomba entre Neni e a Pakita surge nas redes sociais

O influenciador e caminhoneiro rasgou o verbo na nova polêmica A polêmica girou após o…

1 dia atrás

PRF desmonta pneu para  encontrar 200 kg de droga no interior

Caminhoneiro que transportava 200 kg de droga dentro de pneu acaba preso A Polícia Rodoviária…

1 dia atrás

Caminhoneiro leva multa por excesso no eixo a apenas 10 quilômetros do destino da carga

O caminhoneiro havia viajado cerca de mil quilômetros Um caminhoneiro não teve muita sorte enquanto…

1 dia atrás