Estradas

Água invade a BR-040 com o transbordamento de um dique em Nova Lima

Corpo de Bombeiros da região informa que não houve o rompimento da barragem e sim do dique.

Apesar da gravidade, não houve registro de mortes

Na manhã deste sábado (08) um dique da Mina Pau Branco da empresa Vallourec transbordou e inundou a BR-040, que liga BH ao RJ.

Conforme orientações do Corpo de Bombeiros o transbordamento ocorreu por causa do excesso de chuva e segundo a empresa responsável Vallourec, houve carregamento de material sólido para o dique, forçando a ruptura do mesmo, com acionamento de sirenes pela concessionária que administra a via as 10h31.

No momento do acidente, um motorista passava com seu veículo e foi atingido com a invasão das águas, mas não sofreu ferimentos graves.

A ANM – Agência Nacional de Mineração removeu seis pessoas que viviam na localidade, pois não seria possível, segundo o Corpo de Bombeiros, garantir a estabilidade das estruturas do dique.

O tenente Pedro Aihara, porta-voz da corporação, informou que o maciço permanecia íntegro, sem problemas estruturais que possui capacidade de 85 mil metros cúbicos de água.

A concessionária que administra o trecho da BR-040 na altura do KM 562 interditou a rodovia nos dois lados devido ao material carregado da mineradora.

O Ministério Público, através do procurador geral de justiça de Minas Gerais, Jarbas Soares Junior, mais a Advocacia Geral do Estado (AGE), devem ajuizar pedido para que os responsáveis da Mina Pau Branco, tomem as providências cabíveis para impedir o agravamento da situação.

O governador Romeu Zema (Novo) comentou que está atuando junto com a Polícia Rodoviária Federal (PRF) para normalizar a situação na BR-040.

A Vallourec alegou que não teve rompimento de barragem. O que aconteceu foi que parte de material sólido da pilha Cachoeirinha entrou no Dique Lisa transbordando-o. 

O dique trata-se de uma estrutura de contenção de águas pluviais e não uma barragem de rejeitos de mineração. O maciço se encontra íntegro e não houve rompimento da estrutura, comenta um representante da empresa.

A prefeitura de Nova Lima diz que está avaliando os impactos ambientais, mantendo contato com a empresa para definir as ações necessárias e que estará autuando a mesma por crime ambiental, com o apoio do estado e exigirá o cumprimento do Plano de Recuperação das áreas degradadas.

Redação – Brasil do Trecho

Esta postagem foi publicada em 10 de janeiro de 2022 17:08

Compartilhar
João Neto

Sou apaixonado pelo empreendedorismo, caminhão e ônibus e Hoje me dedico 100% aos amigos caminhoneiros com noticias e dicas da estrada.

Deixe um comentário

Postagens recentes

Impressionante! Vídeo mostra um caminhoneiro que se salva por um milagre e sai ileso de sua cabine!

A bíblia caiu em seu colo e ele acredita que isso o salvou da morte!…

2 horas atrás

Muitos atoleiros e filas de carretas no Piauí e Mato Grosso

Caminhoneiros enfrentam muitas dificuldades e atoleiros. Caminhoneiros gravam vídeos demonstrando as péssimas condições das estradas…

2 horas atrás

Caminhoneiros se reúnem para expor seus “pesados”

Encontro em Santa Isabel/SP ganha força e caminhoneiros de todo o Brasil se reúnem. A…

2 horas atrás

Caminhoneiro tenta atravessar enchente e se dá mal

Ele tentou passar por uma via e o motor apagou. Veja abaixo dicas de como…

3 horas atrás

Suspeito é preso em Ribeirão Preto e PM recupera carga roubada por bandidos disfarçados de delegados

PM recupera carreta carregada com óleo vegetal A carga foi recuperada, mas caminhão não foi…

3 horas atrás

Uber inova adotando serviço de transporte coletivo para empresas

Novo serviço é para transporte de funcionários de empresas Uma das maiores empresas de transporte…

10 horas atrás