Caminhoneiro

Economia em viagens: Dicas para caminhoneiros pagar menos no trajeto

Tarefa que vem sendo cada dia que passa mais difícil para os caminhoneiros

Ultimamente está cada vez mais difícil encarar uma estrada e ficar nela dias e dias durante uma viagem. Esta é a tarefa diária dos caminhoneiros do Brasil que enfrentam vários obstáculos para poder entregar mercadorias e produtos que consumimos.

Em época de inflação elevada, frete baixo e o preço dos combustíveis nas alturas se faz necessário procurar alternativas para economizar nos custos do frete.

Vejamos algumas formas de economia para você ganhar mais e gastar menos nas viagens:

1°: Planejamento

Vale a pena ter um planejamento estratégico para todo o percurso da viagem, isso inclui quanto gastará combustível, comida, estadia e ter informações da logística do lugar e do tempo necessário da viagem, além de garantir um frete na hora de voltar para casa.

2°: Manutenção

É imprescindível manter a manutenção do seu caminhão em dia. Fazer um gasto que não estava nos seus planos irá pesar no bolso e repercutir no tempo de viagem ocasionando uma mudança que não estava em seus planos.

3°: Direção

Pratique a direção defensiva, com ela você proporciona segurança para si e as demais pessoas no trânsito, além de evitar um grande acidente que poderá não apenas trazer danos materiais como interferir diretamente na saúde e sua própria vida.

Continua após o anuncio

4°: Velocidade

É necessário se atentar quanto a velocidade. Tanto a frenagem quanto a aceleração desgastam peças do sistema mecânico e aumentam o consumo de diesel.

“Manter a velocidade constante e a trajetória retilínea , é o que na física chamamos de se manter em MRU( movimento retilíneo uniforme), essa atitude ajuda bastante para economia de combustível nos veículos,” afirmou o professor de física e química e instrutor do Sest Senat, José Leonardo. 

5°: Calibração

É de suma importância manter em dia a calibração dos pneus, já que o atrito com o solo influencia diretamente na economia de combustível.

“Pneus vazios ,aumentam a superfície de contato com o solo ,aumentando assim ,o atrito com o asfalto e consequentemente,a força de atrito ,com uma força de atrito maior, é necessário uma aceleração maior para compensar o aumento dessa força .

E com maior aceleração ,maior injeção de combustível ,maior queima desse combustível ,e aumento significativo no consumo”, pontuou o instrutor. 

6°: Combustível

Em época de preços altíssimos do combustível vale a pena pesquisar locais onde o valor está mais em conta e procurar programas de fidelidade que muitos postos oferecem dando descontos.

Foto: Instrutor e professor de física e química do SEST SENAT há quase dez anos. / arquivo pessoal

Redação – Brasil do Trecho

Esta postagem foi publicada em 20 de novembro de 2021 14:41

Compartilhar
João Neto

Sou apaixonado pelo empreendedorismo, caminhão e ônibus e Hoje me dedico 100% aos amigos caminhoneiros com noticias e dicas da estrada.

Deixe um comentário

Postagens recentes

Pneu de carreta fura e provoca incêndio em carga de diesel e gasolina

Caminhão-tanque pega fogo em município do Rio Grande do Sul Na tarde da última terça-feira(02)…

2 horas atrás

Cerca de 100 pessoas se aglomeram para saquear carga de frango

Caminhão com carga congelada tomba e é saqueado em município baiano Na manhã da última…

2 horas atrás

Audiência pode alterar obrigatoriedade sob exame toxicológico

O novo regulamento pode trazer um impacto sob cerca de 10 milhões de motoristas Uma…

2 horas atrás

Tendência caminhões não devem mais utilizar espelho retrovisor

Scania decide aposentar de vez o espelho retrovisor em caminhões ofertados na Europa  A Scania…

2 horas atrás

Nova picape Ford Ranger Black inova no mercado

A Ford Ranger vem com um motor 2.2 movido a Diesel A nova versão da…

2 horas atrás

Com motor de Camaro a nova picape Silverado da Chevrolet pode voltar ao Brasil

Essa nova picape da Chevrolet foi lançada esse ano e poderá chegar aqui em breve.…

2 horas atrás