Estradas

R$3 bilhões foram investidos pelo governo em infraestrutura no primeiro semestre

 Foi divulgado na última sexta-feira (2), um balanço sobre todas as obras de infraestrutura em relação ao transporte feito pelo governo federal no primeiro semestre. Ao total 51 obras foram entregues para auxiliar nos serviços de transporte dos modais aéreos, rodoviários, ferroviários e aquaviários. O governo fez um investimento de R$ 3 bilhões e contratou um total de R$18,89 bilhões para o investimento.

As obras estão trazendo mais benefícios e melhorando os serviços dos trabalhadores do transporte, tanto em logística como em segurança. É o que afirma o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, ‘‘Um dos objetivos do ministério é fazer a integração do território, é levar a logística para as pessoas que precisam, interiorizar essa logística, dar eficiência àqueles centros produtivos, induzir desenvolvimento naquelas regiões menos desenvolvidas. A infraestrutura tem esse papel.’’

Permissões

Novas concessões foram autorizadas com 29 ativos públicos fornecidos à iniciativa privada. O ministério ressalta que 338 mil empregos possam ser gerados no decorrer dos acordos.

O ministro da pasta pontua, “Esses leilões mostram uma aliança do país com o setor privado, com os investidores. Foi uma grande demonstração de confiança em um período em que se discutia se os investidores apostariam no Brasil, se o momento era propício para fazer leilões e mostramos que sim.’’

Entregas nos modais

  • Ferroviário: Foram entregues 170 KM de novas ferrovias. Houve 13,7 % de aumento nas ferrovias em transporte de cargas.
  • Aeroportuário: Nos aeroportos de Foz do Iguaçu e Navegantes, foram investidos R$130 milhões.
  • Portuário: Foram empregados R$35 milhões nesse modal, inclusive a retomada da operação da eclusa do Sobradinho, no Rio São Francisco.
  • Rodoviário: 927 km de rodovias pavimentadas foram reconstruídas.

Segundo Semestre

A espera pelo segundo semestre gera uma expectativa alta. Eles esperam superar os dados de 2020, com mais de 100 obras entregues nos últimos seis meses do ano. Serão investidos R$ 16,77 bilhões na renovação da concessão da ferrovia Ferrogrão.
O ministro finaliza mostrando expectativa para os próximos anos, “Estamos pisando no acelerador para gerar o máximo de investimento que pudermos e vamos ter uma repercussão enorme em termos de ganho de eficiência, melhoria em tempo de viagem, qualidade de vida para o usuário, empregos gerados. E isso vai acontecer nos próximos anos.”

Redação – Brasil do Trecho

Esta postagem foi publicada em 20 de julho de 2021 09:04

Compartilhar
João Neto

Sou apaixonado pelo empreendedorismo, caminhão e ônibus e Hoje me dedico 100% aos amigos caminhoneiros com noticias e dicas da estrada.

Deixe um comentário

Postagens recentes

Autônomo diz que todo frete paga Inss, mas na hora de receber é outra história

Revoltado ele solta o verbo para cima do governo e dos líderes dos caminhoneiros também!…

10 minutos atrás

Mais um caminhão é flagrado com adesivo do Bolsonaro

Um caminhoneiro adesivou a imagem do presidente Bolsonaro na traseira de seu caminhão, demonstrando sua…

18 minutos atrás

Veja os 10 modelos de caminhões mais vendidos em 2022

Marcas consolidadas, que possuem potência, capacidade de carga, estilo e muita qualidade em todos os…

2 horas atrás

Veja como é a vida de um caminhoneiro na Angola

As dificuldades e os problemas enfrentados pelos caminhoneiros de Angola são semelhantes às enfrentadas pelos…

2 horas atrás

Você sabe qual é o verdadeiro significado que está por trás da logo da Volvo

Confira esse vídeo e veja qual o real significado que está por trás de uma…

2 horas atrás

Quanto custa o Volkswagen Meteor 28.460 ?

Venda quanto custa na tabela fipe o caminhão da Volkswagen.

6 horas atrás