Combustível

Crise do combustível se instaura na aviação norte-americana devido a falta de caminhoneiros

Uma crise de combustível instaurada nos Estados Unidos fez com que a companhia aérea pedisse que pilotos economizassem combustível em cada voo. American Airlines pediu para que seus pilotos se atentassem ao uso do combustível e economizar todo querosene de aviação possível. Os estados de Washington, Oregon, Idaho e Montana, vêm sofrido com a falta de profissionais da classe caminhoneira, principalmente os que dirigem caminhõestanque. 

Para cumprir tal tarefa é necessário ter treinamento especial e um curso diretamente envolvido em transportes de combustíveis, considerado carga perigosa por ser inflamável. Como está faltando caminhoneiros, o combustível não chega aos aeroportos e o déficit de combustível cresce. 

Com a volta da aviação americana muito antes do esperado depois de meses parada devido a pandemia e a época de incêndios florestais dominando a costa oeste do país, a maior parte do combustível é utilizado para abastecer aeronaves turbo hélice, jatos e alguns helicópteros que estão ajudando profissionais no combate ao incêndio. Consequências da pandemia ainda afetam a logística de distribuição dos insumos nos EUA, inclusive o combustível aeronáutico. Estima-se que a crise avance para outros estados do país.

Palavra com o especialista

Formado na Escola de Especialistas da Aeronáutica, Luis Henrique Costa, instrutor e mecânico aeronáutico com mais de 20 anos de experiência, atualmente Técnico Sênior na Tam Executiva, afirma a importância de mão de obra especializada para abastecer uma aeronave.

 ‘‘O abastecimento das aeronaves, diferentemente dos que ocorrem nos nossos veículos, requer mais cuidados e claro, procedimentos técnicos devem ser levados em consideração. Temos tanques enormes em aeronaves de grande porte com milhares de litros de combustíveis que podem provocar uma mega explosão. Portanto é essencial que os Técnicos de Manutenção de Aeronaves acompanhem o profissional que irá abastecer, informando ao Comandante sobre o procedimento e este também avisa aos passageiros.’’

‘’O abastecedor segue passos importantes como o teste do combustível que vai para os tanques, aterramento na aeronave e o correto acoplamento da mangueira à asa. Além do mais, não se pode deixar equipamentos de rádio de alta frequência ligados, tudo isso primando pela segurança durante essa operação. Outros pequenos cuidados também devem ser observados, porém estes são alguns dos mais importantes.’’ Finaliza

Luis Henrique Costa

Instrutor e mecânico aeronáutico com mais de 20 anos de experiência

Esta postagem foi publicada em 30 de julho de 2021 10:49

Compartilhar
João Neto

Sou apaixonado pelo empreendedorismo, caminhão e ônibus e Hoje me dedico 100% aos amigos caminhoneiros com noticias e dicas da estrada.

Deixe um comentário

Postagens recentes

Caminhoneiros autônomos realizam debate buscando sobrevivência da categoria

Sem politicagem é o que promete os líderes do movimento Caminhoneiros autônomos são convocados por…

12 horas atrás

Caminhoneiro comprou um caminhão alienado e não consegue fazer o registro na ANTT

O sonho do primeiro caminhão acabou virando em uma dor de cabeça Um caminhoneiro com…

12 horas atrás

Fabricante de caminhão chinesa pode lançar veículo elétrico no Brasil

Caminhões eletrificados estão crescendo bastante na Europa e Ásia Veículos elétricos vem ganhando bastante força…

12 horas atrás

Governador do Rio Grande do Sul reduz alíquota do ICMS dos combustíveis

Na última sexta-feira (17) Eduardo Leite, governador do Rio Grande do Sul anunciou a redução…

1 dia atrás

Mudanças da política de preços da Petrobras são cobradas em plenário

No último dia 14 vários deputados cobraram em petição mudanças na política de preços dos…

1 dia atrás

Comissão irá debater mudanças no comércio varejista de combustíveis

Na próxima terça-feira (21) será debatido pela comissão de Minas e energia da Câmara dos…

1 dia atrás