Caminhões Iveco e Volvo com interface de voz Amazon

Publicidade

Coincidentemente, a Iveco e a Volvo estão lançando simultaneamente uma interface de voz para seus caminhões e, em ambos os casos, é baseada na tecnologia Alexa da Amazon. Na Iveco, o novo serviço deve permitir aos condutores gerir o planeamento de percursos por voz, verificar a manutenção e o estado dos veículos e pedir conselhos de condução. 

Motoristas focados na estrada

O serviço de voz também pode operar os controles da cabine, permitindo que os caminhoneiros fiquem concentrados na estrada. Ele também permite que os motoristas fiquem conectados com a comunidade de motoristas da Iveco.

O novo serviço de voz foi desenvolvido pela equipe da Iveco Digital com o suporte de serviços profissionais da Amazon Web Service, entidade de nuvem da Amazon. O serviço de voz foi desenvolvido rapidamente usando tecnologias de aprendizado de máquina, voz, segurança e sem servidor da Amazon. “  O novo serviço de voz da Iveco sustenta a estratégia digital futura da empresa  ” , afirma Fabrizio, gerente digital da Iveco. “  Este serviço de voz visa oferecer uma forma totalmente nova para os motoristas realizarem suas tarefas de forma interativa, aumentando o nível de segurança e conforto  ”, acredita.

Na Volvo, quatro novos modelos de caminhão vão integrar Alexa. Essa interface de voz permitirá que os caminhoneiros recebam orientações, façam ligações, ouçam notícias e acessem entretenimento, tudo com comandos de voz. Os caminhões Volvo com Alexa estarão disponíveis a partir de março de 2021 na Europa.

Solicitação de rota e telefone viva-voz

O objetivo é que o motorista mantenha as mãos no volante e os olhos na estrada. Se o novo camião estiver equipado com o software de navegação disponibilizado pela Volvo caminhões, o condutor pode perguntar a Alexa qual o caminho a seguir. Além disso, Alexa pode ajudar o caminhoneiros a fazer ligações para clientes e familiares, ouvir música e acessar notícias e áudio livros.

Publicidade
Categorias ivecovolvo
Junior Ribeiro

Engenheiro Civil no 10º semestre pela Universidade Estácio de Sá, um amante de veículos pesados devido grande influência do pai. Aos 7 anos de idade o seu maior sonho era ser motorista de transporte coletivo, no entanto, no ano de 2014 ingressou em uma empresa de transporte coletivo, como jovem aprendiz onde juntamente com seu amigo de trabalho fundou o Brasil do Trecho.

Deixe um comentário

Postagens recentes

Vídeo do acidente com ônibus é divulgado e mostra detalhes como aconteceu

Um ônibus de turismo com 59 passageiros tombou na última segunda-feira(25) próximo a Serra do Mar. O acidente aconteceu na…

8 horas atrás

Entidades de caminhoneiros se manifestam sobre possibilidade de paralisação

A Confederação Nacional dos Caminhoneiros e Transportadores Autônomos de Bens e Cargas - Conftac, vêm a público informar que após reunião ocorrida…

13 horas atrás

Montadoras apostam no Hidrogênio como combustível

Principais grupos pretendem ajudar para desenvolvimento de caminhões movidos a hidrogênio Cada vez mais países e empresas estão comprometidos com…

19 horas atrás

Esse website utiliza cookies.

Consulte Mais informação