Publicidade

PRF recupera caminhão roubado com carga de R$ 230 mil na BR 110

Publicidade

Os ocupantes do caminhão relataram que foram feitos reféns e agredidos fisicamente pela quadrilha

Na manhã desta quarta-feira (04), uma equipe da PRF fazia ronda ao longo do trecho da BR 324 e foi informada que acabara de ocorrer um assalto a um veículo de carga e que os criminosos haviam empreendido fuga, após abandonarem os reféns covardemente agredidos na rodovia.

Imediatamente, os agentes intensificaram a vigilância e iniciaram buscas pela região, oportunidade em que na altura do quilômetro 394 da BR 110, em São Sebastião do Passé, os Prfs avistaram o caminhão suspeito com as mesmas características da denúncia.

A equipe conseguiu interceptar o veículo e realizar os procedimentos de abordagem e fiscalização. O caminhão era conduzido por um homem de 28 anos que foi identificado como líder da quadrilha.

A carga composta por vestuário, peças automotivas e demais itens, avaliada em 232.000 reais foi recuperada intacta.

Na ação, os policiais também apreenderam um segundo carro que funciona como ‘batedor’. O veículo era ocupado por um integrante da quadrilha que dava ‘cobertura’ ao assalto.

Conforme levantamento, os dois presos, de 28 e 39 anos, são responsáveis pela prática de crimes, principalmente, assalto a veículos de carga. A ocorrência foi encaminhada para a Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos de Cargas em Rodovias (DECARGA).

O motorista do caminhão em razão dos ferimentos e das agressões físicas, foi encaminhado para um hospital de Feira de Santana.

A PRF conta com grupos especializados de combate ao crime e intensificou às ações nos principais pontos considerados críticos para evitar assaltos, porte ilegal de arma, contrabando, receptação de veículo roubado, tráfico de entorpecentes e demais ilícitos penais.

Fonte: PRF

Publicidade
Categorias caminhão
Junior Ribeiro

Engenheiro Civil no 10º semestre pela Universidade Estácio de Sá, um amante de veículos pesados devido grande influência do pai. Aos 7 anos de idade o seu maior sonho era ser motorista de transporte coletivo, no entanto, no ano de 2014 ingressou em uma empresa de transporte coletivo, como jovem aprendiz onde juntamente com seu amigo de trabalho fundou o Brasil do Trecho.

Deixe um comentário

Esse website utiliza cookies.

Consulte Mais informação