Publicidade

Vídeo Sem cinto caminhoneiro arremessado da cabine após colisão

Publicidade

Um caminhoneiro foi arremessado da cabine e ainda não foi identificado, no entanto, o condutor ficou gravemente ferido após a colisão. O acidente ocorreu na sexta-feira (02), na rodovia dos Imigrantes, em Cuiabá. Dois veículos de carga colidiram e a pista ficou bloqueada aguardando socorro aos envolvidos.

Em nota, a concessionária que administra o trecho da rodovia na região, informou que ocorreu um grave acidente entre dois caminhões e um caminhoneiro foi arremessado da cabine em uma colisão frontal. Infelizmente com o forte impacto em decorrência do acidente, um dos caminhoneiros acabou sendo arremessado do interior do veículo para um barranco próximo ao acidente.

Testemunhas que estavam na proximidade do acidente no momento do acidente gravou um vídeo exibindo a cena do acidente. É possível ver a imagem chocante do caminhoneiro caído no barranco se contorcendo, provavelmente com muita dor após ter sido arremessado.

A administradora que é responsável pelo trecho, realizou a locomoção do caminhoneiro para o hospital mais próximo do local. Segundo informações o estado do caminhoneiro é muito delicado, devido ao forte impacto e ainda ter caído de uma altura considerável.

O que pode acontecer dirigir sem cinto de segurança ?

Conforme o Código Brasileiro de Trânsito (CTB), conduzir um veículo sem a utilização do cinto de segurança é passível aplicação de multa ao condutor por ser considerado uma infração de natureza grave. Com a adição de cinco pontos da Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

Porém, muito mais importante e valioso do que pagar uma multa e a vida, o cinto de segurança e um dispositivo pode salvar a vida dos ocupantes do veículo. Com a capacidade de reduzir o número de morte, em virtude, de acidente de trânsito.

Publicidade
Junior Ribeiro

Engenheiro Civil no 10º semestre pela Universidade Estácio de Sá, um amante de veículos pesados devido grande influência do pai. Aos 7 anos de idade o seu maior sonho era ser motorista de transporte coletivo, no entanto, no ano de 2014 ingressou em uma empresa de transporte coletivo, como jovem aprendiz onde juntamente com seu amigo de trabalho fundou o Brasil do Trecho.

Deixe um comentário

Esse website utiliza cookies.

Consulte Mais informação