Publicidade

Scania aumenta potencia mas ainda promete menor consumo do V8

Publicidade

O fabricante sueco anuncia uma nova rodada em termos de corrida armamentista de potência, mas ainda promete menor consumo do V8.

O boato está fervendo há muito tempo, agora é oficial: a Scania aumentou seu V8 em 40 para não menos de 770 cv, anunciando a próxima corrida de alto desempenho. Quase ainda mais impressionante são os impressionantes 3.700 Newton metros de torque que a nova unidade de oito cilindros envia para as rodas motrizes entre 1000 e 1450 rpm.

Ao mesmo tempo, as configurações mais fracas do V8 também obtêm mais potência. Ele começa agora com 530 cv e 2900 Newton metros de torque. Além disso, 590 (3050 Nm) e 660 PS (3300 Nm) estão agora disponíveis.

Apesar do fortalecimento, a Scania promete reduzir o consumo de diesel em até 6%. Isso deve resultar da redução do atrito interno do motor, um turbo compressor de rolamento de esferas aprimorado e unidades auxiliares controladas de forma inteligente. Além disso, o V8 mais potente agora também dispensa a recirculação de gases de escape intensiva em combustível.

A Scania também tem um efeito positivo no consumo de combustível da nova transmissão Opticruise “G33”, que está disponível como opcional. A nova caixa de distribuição é mais curta e 60 quilos mais leve que a geração anterior “GRS 905” e ao mesmo tempo é mais robusta para lidar com torques elevados. (bj)

Publicidade
Categorias caminhão
Junior Ribeiro

Engenheiro Civil no 10º semestre pela Universidade Estácio de Sá, um amante de veículos pesados devido grande influência do pai. Aos 7 anos de idade o seu maior sonho era ser motorista de transporte coletivo, no entanto, no ano de 2014 ingressou em uma empresa de transporte coletivo, como jovem aprendiz onde juntamente com seu amigo de trabalho fundou o Brasil do Trecho.

Deixe um comentário

Esse website utiliza cookies.

Consulte Mais informação