Publicidade

Tarcísio afirma que duplicação da BR-423 terá inicio em 2021

Publicidade

Ações serão feitas para efetivar a usabilidade da rodovia

Tarcísio afirma que duplicação em uma reunião nessa terça-feira (23) que tinha como objetivo discutir a duplicação da BR-423, no trecho entre São Caetano e Garanhuns, no Agreste pernambucano. O parlamentar discutiu o tema com o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, ao lado do prefeito Izaías Régis, de Garanhuns.

A pasta está fazendo ações para efetivar a usabilidade da rodovia, que é bastante utilizada. “Já morei em Pernambuco, tenho um carinho enorme pelo Estado e sei da importância da 423. O deputado Silvio Costa Filho nos procurou para discutir a duplicação da BR-423 e, por termos uma parceria que funciona bem com o Legislativo, nos colocamos à disposição”, disse o ministro Tarcísio.

De acordo com o parlamentar, a duplicação vai ajudar no transporte da produção e melhorar o desenvolvimento local. “A obra é uma medida importante para o nosso Estado. Ela vai ajudar no desenvolvimento da bacia leiteira, do setor de serviços, do turismo, do setor turístico, entre outros. É fundamental que a bancada federal esteja unida para que a obra saia do papel. Vimos que a duplicação da BR-232 facilitou o escoamento da produção de Pernambuco e do Agreste. Com a 423 duplicada, a região irá crescer ainda mais”, disse Silvio Costa Filho.

Já foram destinados R$ 10 milhões para a elaboração do projeto de duplicação, de acordo com o DNIT. A iniciativa deve ocorrer até 2022.

Obras começam em 2021


Tarcísio afirma que duplicação e segundo Tarcísio Freitas, as obras começam no início de 2021: “Estamos anunciando a licitação do primeiro lote, entre São Caetano e Lajedo, já para este ano. A ideia é começar a construir em 2021, inclusive com licitação do segundo lote e realização do serviço porque a população do Agreste merece”.

Ele reformou que a pauta continuará a ser discutida com o Governo Federal, deputados e prefeitos para que a obra seja colocada em prática o mais rápido possível.

Fonte: UOL

Publicidade
Junior Ribeiro

Engenheiro Civil no 10º semestre pela Universidade Estácio de Sá, um amante de veículos pesados devido grande influência do pai. Aos 7 anos de idade o seu maior sonho era ser motorista de transporte coletivo, no entanto, no ano de 2014 ingressou em uma empresa de transporte coletivo, como jovem aprendiz onde juntamente com seu amigo de trabalho fundou o Brasil do Trecho.

Deixe um comentário

Esse website utiliza cookies.

Consulte Mais informação