Publicidade

Scania vai movimentar o mercado ao lançar o caminhão mais potente com 770 cavalos

Publicidade

Veja se o caminhão mais potente do mundo vai pisar em solo brasileiro

Scania vai movimentar o mercado de caminhões pesados ao realizar o lançamento do seu mais novo caminhão equipado com um motor V8 de alto desempenho. Algumas imagens já estão circulando na internet com especulação do novo modelo da montadora. Tudo indica que a Scania caminhões devem realizar o seu lançamento em uma das maiores feiras, na feira IAA Hanôver, que comporta o maior salão automotivo.

Recentemente começou a circular uma imagem da suposta cabine do novo caminhão, mesmo tentando ocultar o emblema trazendo a nomenclatura 770s. Dessa forma, o assunto retornou com bastante força em redes sociais. Trata-se de uma cabine azul aparentemente 0 km, por não conter placas de identificação e sendo transportada.

Caso os rumores se concretizem, a Scania vai retomar o posto de caminhão mais potente do mundo que atualmente é da montadora Volvo. Então superando o motor de 750 cavalos da montadora sueca lançado no ano de 2015, que desde então ocupa esse patamar com muita honra e mérito.

Qual é a operação para esse caminhão ?

Scania vai movimentar mercado com o caminhões de motores V8 e com grande potência, geralmente são mais indicados para transporte de cargas especiais. Dessa forma, são excelentes para transporte de máquinas, equipamento e componentes om grandes dimensões e peso, bem como as cargas indivisíveis.

Traduzindo a nova necessidade operacional da Europa, esses novos caminhões devem suprir a grande demanda e especificidade, com o grande desejo de superar o comprimento de 30 metros e o peso máximo transportado de 100 toneladas.

A nova Scania 770s vai chegar ao Brasil?

Em suma não é possível dar um veredito final, se o caminhão vai chegar em solo brasileiro ou até mesmo será fabricado no país. Mas em um primeiro momento o caminhão não terá fabricação no Brasil até visando a demanda do transporte nacional para essa especificidade de transporte não é tão grande.

Mas nada impende que o modelo tenha sua importação para o Brasil, bem como, na situação do Volvo 750, teve sua importação da Suécia para o Brasil. Na época a transportadora Transpes importou 8 unidades do FH 16, com um motor de 750 cavalos. Na época cada unidade foi orçada em cerca de R$ 1 milhão de reais.

Publicidade
Junior Ribeiro

Engenheiro Civil no 10º semestre pela Universidade Estácio de Sá, um amante de veículos pesados devido grande influência do pai. Aos 7 anos de idade o seu maior sonho era ser motorista de transporte coletivo, no entanto, no ano de 2014 ingressou em uma empresa de transporte coletivo, como jovem aprendiz onde juntamente com seu amigo de trabalho fundou o Brasil do Trecho.

Deixe um comentário

Esse website utiliza cookies.

Consulte Mais informação