Publicidade

DNIT concluiu antecipadamente os serviços de restauração entre a BR-153 e a BR-060

Publicidade

Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) concluiu antecipadamente os serviços de restauração e as obras de adequação dos retornos existentes no Anel Viário de Goiânia e de Aparecida de Goiânia. O empreendimento conta com 16,90 quilômetros de pista dupla.

O local, além do trânsito da região, apresenta tráfego intenso de veículos leves e de carga vindos da BR-060/GO e da BR-153/GO, importantes corredores logísticos do país e que favorecem o transporte de bens e serviços para toda a população.

Com o intuito de ampliar a vida útil do pavimento e a segurança no Anel Viário, o DNIT executou a recuperação e a manutenção do pavimento das pistas de rolamento, bem como a conservação rotineira.

A Autarquia realizou a implantação de barreiras de proteção em concreto em pontos estratégicos, com vistas a coibir o tráfego de veículos e motos em locais inadequados. O DNIT também executou a adequação dos retornos existentes, tendo em vista que os antigos não possuíam faixa de aceleração e desaceleração.

DNIT concluiu antecipadamente e como o contrato de restauração e manutenção do Anel Viário possui vigência até outubro de 2021, a Autarquia realizará a manutenção rotineira da via até o final dele.

Os serviços e as obras executadas permitem que o pavimento suporte de forma adequada por cinco anos ou mais o volume do tráfego existente sem a necessidade de intervenções de alto custo. Além desse benefício, proporcionará maior segurança e conforto aos usuários que trafegam pela via.

O conjunto de obras e serviços realizados pelo DNIT ao longo do Anel Viário contam com um investimento total de R$ 27.962.327,49.

Fonte: Acessoria de impressa do DNIT

Publicidade
Categorias DNITESTRADAS
Junior Ribeiro

Engenheiro Civil no 10º semestre pela Universidade Estácio de Sá, um amante de veículos pesados devido grande influência do pai. Aos 7 anos de idade o seu maior sonho era ser motorista de transporte coletivo, no entanto, no ano de 2014 ingressou em uma empresa de transporte coletivo, como jovem aprendiz onde juntamente com seu amigo de trabalho fundou o Brasil do Trecho.

Deixe um comentário

Esse website utiliza cookies.

Consulte Mais informação