Obra na BR-174 estaria causando transtornos a caminhoneiros

Obra na BR-174 estaria causando transtornos a caminhoneiros

Dnit afirma que trecho em rodovia está sendo recuperado

Obra na BR-174 estaria causando uma obra que está sendo executada na BR-174, sentido ao município de Pacaraima, que faz fronteira com a Venezuela, tem gerado transtornos a motoristas de caminhões que precisam passar pelo local.

De acordo com a Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), o trecho citado na reportagem está localizado na Rodovia BR-174/RR, entre os quilômetros 700 e 715. Nesse segmento, há dois contratos vigentes, um referente à restauração do trecho, que tem como objetivo restaurar e ampliar a plataforma da Rodovia, com previsão de retomada das obras em setembro/2020; e o outro referente à conservação/manutenção do trecho, que está ativo e com realização de trabalhos para garantir a trafegabilidade na rodovia, com serviços tais como: roçada, limpeza dos dispositivos de drenagem e reconformação da pista de rolamento com tapa buracos e remendos profundos.

“Ocorre que, em alguns casos, devido a intensidade das chuvas na região, não dá para executar serviços com a qualidade necessária. Nesse sentido, em certos trechos com grande concentração de buracos e com riscos para os usuários da via, foi realizado um serviço paliativo, com a escarificação do pavimento existente, misturado e compactado com material laterítico, o que causou um certo desconforto aos usuários, pois o serviço não estava concluído, e por ser uma solução paliativa”

Assim, nessa solução, após verificação do problema, o DNIT determinou que fosse aplicado rejeito de asfalto nos locais ora tratados, o que deverá garantir a trafegabilidade segura da Rodovia.

Ressalta-se que nossas equipes estão em campo atuando com o objetivo de garantir a segurança dos usuários, e que os problemas identificados neste período chuvoso serão sanados em definitivo no próximo verão (setembro 2020 a maio 2021).

Fonte: Folha BV

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.