Caminhoneiro de MT morre com Covid-19 após ficar 11 dias em UTI

Rosmaldo Andreiv teve diagnóstico de Covid-19 confirmado, precisou ser intubado e por falta de UTI em MT, foi levado às pressas para Santa Catarina, de UTI aérea.

Um caminhoneiro de 68 anos, morreu nessa quinta-feira (16) depois de passar 11 dias internado em Unidade de Terapia Intensiva de um hospital particular de Chapecó, em Santa Catarina. Rosmaldo Andreiv era morador de Sorriso, a 420 km de Cuiabá.

Morador do bairro Bela Vista, Rosmaldo teve diagnóstico de Covid-19 confirmado, precisou ser intubado e por falta de UTI em Mato Grosso, foi levado às pressas para Santa Catarina, de UTI aérea.

Os familiares agora tentam transladar o corpo de Rosmaldo para que seja sepultado em Sorriso.

Segundo informações de amigos da família, o paciente não tinha outras doenças.

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 276 internações em UTIs públicas e 391 em enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está em 92% para UTIs e em 57,42% para enfermarias.

Fonte: G1

brasildotrecho:

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

Este site usa cookies.

ler