Transportadora Mats não perde serviço com Delivery

Transportadora Mats tem modelo da Volkswagen Caminhões deu à pequena transportadora flexibilidade para atuar na distribuição urbana

Transportadora Mats tem a capacidade de atendimento da Mats Transportes, prestadora de serviços de distribuição de carga para uma grande operadora logística, começou a ficar limitada. O furgão e o caminhão da faixa de 7 toneladas com os quais Milton Francischini dispunha, além de não dar conta da demanda, impedia trânsito liberado em determinadas vias e zonas da Região Metropolitana de São Paulo. “Em muitas ocasiões perdi trabalho porque não tinha um veículo mais adequado para circular na cidade”, lembra o pequeno empreendedor.

Após uma peregrinação entre contas, ofertas, condições e visitas às mais variadas marcas de veículos, Francischini apostou no Volkswagen Delivery Express, opção recente e inédita no mercado de transporte. Definido como comercial leve para até 3,5 toneladas de peso bruto total, o caminhão dá ao transportador flexibilidade de ação, cobrindo aplicações destinadas tanto a picapes quanto furgões.

Para Francischini, o modelo “serviu como uma luva”. Embora sua rotina seja a de distribuição de mercadorias, do embarcador à ponta do consumo, a programação de desembarques de carga quase sempre é incerta. “Depende muito do produto, mas tem dias que saio carregado para fazer 25 entregas em diversos pontos da Grande São Paulo. Mas agora isso ficou mais fácil, sem precisar me preocupar com horários e vias que antes não podia circular com os veículos que eu até então tinha, rodar na faixa da esquerda de avenidas, por exemplo.”

Facilidades de automóvel

O Delivery Express da Mats transporta as mais variadas cargas, desde produtos de beleza, como cosméticos e perfumes, a ferramentas e roupas. O veículo costuma sair com o limite de sua capacidade de peso líquido.

“Não tenho do que reclamar, o carro é valente, confortável e oferece muita facilidade para manobrar, coisa que até hoje não vi em nenhum outro caminhão. Estaciona como um carro”, ressalta o empresário que acumula mais de 30 anos de experiência no setor de transporte, dos quais 25 deles à frente do próprio negócio, quando adquiriu, em 1995, sua primeira Kombi.

O modelo da Volkswagen Caminhões entrou na garagem da Mats em outubro do ano passado. De lá para cá, 12 mil quilômetros já foram rodados e a primeira revisão de fábrica já realizada. Segundo Francischini, o consumo de diesel está dentro do que ele previa, entre 6,5 e 7 km/l de média. “É uma faixa rentável para um serviço que enfrenta o trânsito intenso da cidade de São Paulo. Mas sabe como é, a gente sempre espera melhorar.”

O transportador lembra ainda de outra vantagem proporcionada pelo Express, em especial na hora de fechar negócio. Uma parceria da Volkswagen Caminhões e Ônibus com a Randon permite que o caminhão saia de fábrica já com a carroceria sobre o chassi, em opções de carga seca ou baú. “Precisava do caminhão rápido, não podia esperar e nem tinha tempo de procurar empresas implementadoras. O que poderia levar mais de dois meses, encontrei na concessionária um custo-benefício muito bom. Em menos de trinta dias sai da loja com o caminhão para trabalhar”, resume.

Fonte: Estadão

admin_brasildotrecho

Deixe um comentário

Postagens recentes

Caminhão é flagrado transportando casa no Paraná

De acordo com a prefeitura o transporte deveria ter uma liberação Um morador filmou o…

14 horas atrás

Caminhoneiro colide ao tentar desviar de galho de árvore

O motorista de caminhão ficou ferido e precisou de atendimento médico Uma colisão entre dois…

14 horas atrás

Vídeo flagra carreta realizando manobra após ficar sem freio

Inacreditável manobra do motorista para evitar um grave acidente Nesta quarta-feira , uma carreta carregada…

14 horas atrás

Eixo de carreta se desprende em um retorno na Dutra

O condutor do caminhão realizava um retorno no viaduto do Cajueiro Uma carreta do tipo…

14 horas atrás

De acordo com polícia caminhoneiro teria dormido ao volante em acidente

Durante o atendimento uma das faixas ficou interditada Um caminhoneiro dormiu ao volante e bateu…

14 horas atrás

Vídeo caminhoneiro perde freio e conseguiu evitar grave acidente

Durante descida na Serra de Corupá o motorista viveu um momento de tensão Um vídeo…

14 horas atrás

Este site usa cookies.

consulte Mais informação