Publicidade
Categorias Caminhoneiro

Capital nacional do caminhão ganha nova unidade do SEST SENAT

Publicidade

Cravada no agreste sergipano, a 57 quilômetros de Aracaju, Itabaiana é a capital nacional do caminhão. São mais de 5.000 caminhões registrados pela ANTT no município, e outros 4.000 são pertencentes a itabaianenses espalhados pelo Brasil. Toda essa frota está em uma cidade com apenas 100 mil habitantes. É, portanto, a maior relação caminhão/por pessoa do país.

E o SEST SENAT (Serviço Social do Transporte e Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte), que está no município há mais de uma década, inaugurou, nesta quinta-feira (12), sua nova unidade, na qual foram investidos, aproximadamente, R$ 12,5 milhões.

O município tem localização estratégica para o transporte rodoviário de cargas na região, sendo rota obrigatória para boa parte das mercadorias que saem e entram no Nordeste. Graças a essas características, desde a década de 1950, a cidade realiza, todo mês de junho, a Feira do Caminhoneiro, reunindo milhares desses profissionais.

O presidente da CNT (Confederação Nacional do Transporte) e dos Conselhos Nacionais do SEST e do SENAT, Vander Costa, explica que, com a inauguração da nova estrutura em Itabaiana, o SEST SENAT reforça seu compromisso de estar onde o trabalhador do transporte mais precisa. “Onde tem mercado transportador, tem SEST SENAT. E Itabaiana é um dos principais entroncamentos para o transporte de cargas no Nordeste. Queremos continuar induzindo o desenvolvimento regional e contribuindo para o aprimoramento do setor e dos trabalhadores do transporte da região”, afirma.

Vander Costa ressalta que a gratuidade dos atendimentos dos trabalhadores do transporte só é possível devido à contribuição paga pelos transportadores. “O SEST SENAT está cumprindo sua responsabilidade de transformar esses recursos em resultados. O nosso trabalho contribui para aumentar a segurança no trânsito, melhorar a eficiência do transporte e reduzir os custos operacionais das empresas”, finaliza.

Com capacidade para realizar 53.802 mil atendimentos ao ano, a nova unidade oferece serviços de qualificação profissional e de saúde gratuitos para os trabalhadores do transporte e seus dependentes. A comunidade dos municípios do entorno também poderá usufruir dos serviços.

A nova estrutura tem 1.899,21m2 de área construída e conta com sala de treinamento em um simulador de direção de caminhão, carreta e ônibus, com capacidade para 15 alunos; três salas de aula, com capacidade para 25 alunos cada uma; e uma sala de treinamento de EaD, com capacidade para 18 alunos. Na área da saúde, a unidade possui quatro clínicas odontológicas, uma de fisioterapia, uma de nutrição e uma de psicologia. Tudo isso para proporcionar mais qualidade de vida aos trabalhadores do transporte.

Reconhecimento

O presidente do Conselho Regional Nordeste III do SEST SENAT, Alberto Almeida, convida as comunidades de Itabaiana e dos municípios vizinhos a conhecer e aproveitar a nova estrutura. “Como gestor do setor de transporte, posso fazer o seguinte comparativo: enquanto os trabalhadores do transporte geram mobilidade urbana ou escoam as produções, o SEST SENAT cuida da qualidade de vida e capacitação profissional deles e dos seus familiares.”

“Nós, itabaianenses, só temos a agradecer a essa instituição grandiosa, que é o SEST SENAT, pelos anos de amizade e parceria. E, agora, com essa nova unidade, poderemos continuar valorizando os profissionais da capital nacional do caminhão”. Essas foram as palavras do prefeito do município sergipano, Valmir dos Santos Costa, durante a solenidade de inauguração.

A nova unidade recebe o nome do empresário Nilton Rodrigues, em reconhecimento à sua contribuição para o desenvolvimento do setor de transporte de cargas de Sergipe. O empresário, que faleceu neste ano, foi homenageado e representado na manhã desta quinta-feira pela sua filha, a supervisora do Conselho Regional Nordeste III do SEST SENAT, Danielle Rodrigues, e pela sua esposa, Maria da Graça Rodrigues.

Nilton Rodrigues foi presidente do Setcese (Sindicato das Empresas de Transporte de Cargas de Sergipe), integrou a diretoria da Fetrabase (Federação das Empresas de Transporte dos Estados da Bahia e Sergipe) e, também, atuou como vice-presidente para o setor de cargas no Conselho Regional Nordeste IV do SEST SENAT.

Expansão

A inauguração da unidade de Itabaiana integra o plano de expansão do SEST SENAT em todo o Brasil. Desde 2017, outras 24 unidades já foram inauguradas: Porto Ferreira (SP), Paragominas (PA), Duque de Caxias (RJ), Limeira (SP), Mossoró (RN), Picos (PI), Carazinho (RS), Teotônio Vilela (AL), Serra Talhada (PE), Lages (SC), Sobral (CE), Itumbiara (GO), Guarujá (SP), Maringá (PR), Vilhena (RO), Ourinhos (SP), Votuporanga (SP), Serra (ES), João Câmara (RN), Concórdia (SC), Toledo (PR), Arapiraca (AL), Cajazeiras (PB), Umuarama (PR) e Ituiutaba (MG).

Ao todo, são 152 unidades espalhadas por todo o país. Atualmente, o SEST SENAT tem duas unidades operacionais no estado de Sergipe (Aracaju e Itabaiana).

Publicidade
admin_brasildotrecho

Deixe um comentário

Esse website utiliza cookies.

Consulte Mais informação