Motor Scania V8 completa 50 anos

Publicidade

O motor em V8 da Scania ainda desperta o desejo de muitos motoristas e frotistas pelo caminhão R 620

O motor V8 da Scania foi lançado em 1969 com potência de 350 cv. O modelo chegou como o mais potente propulsor diesel daquele ano na Europa.

Mas o projeto começou em 1960, quando o chefe de design dos motores diesel da Scania, Bengt Gadefelt, tomou a decisão de desenvolver um motor de oito cilindros com arquitetura em V. Isso atendia à necessidade de propulsores mais fortes.

No início da década de 60, a Scania contava com seis motores de 8 e 11 litros. Atingindo potência máxima de 250 cv.

Enquanto o mercado pedia por motores mais fortes, a tendência por caminhões compactos de cabine cara-chata aumentava. Aí veio o desafio de encaixar um motor em V em uma cabine mais curta.

O conceito desenvolvido por Gadefelt e a equipe de engenharia resultou em um motor V8 de 14,2 litros. Esse powertrain tinha como atributo a alta potência em baixa rotação.

O motor V8 da Scania foi equipado no caminhão LB140. Que rapidamente foi aclamado pela indústria. Os clientes também gostaram da aparência do motor em V com cabeçotes individuais por cilindro e da potência de 350 cv. Combinada a uma curva de torque em baixas rotações.

A cereja do bolo foi o ronco do motor, ruído que até hoje é uma das maiores caraterísticas do V8.

Foram produzidos até agora mais de 170 mil motores V8 de 14 litros, o que fez dele o mais vendido no segmento de alta produção.

Mas o futuro do motor Scania V8  foi ameaçado durante o final da década de 80, quando a fabricante trabalhava no desenvolvimento da Série 4 lançada em 1995.

O desafio de montar um V8 num bloco de motor para esse projeto não era tarefa simples e dividiu opiniões entre a engenharia. Uns eram favoráveis a ideia de motores de 11 e de 14 litros que tirassem o máximo de proveito dentro da nova realidade da época que era a tecnologia de injeção, necessária para atender à Euro 3, norma de emissão de poluentes vigente na época na Europa.

Por outro lado, outro time enfatizou a importância do motor V8 da Scania como valor de imagem da marca.

Fonte: Estadão

Publicidade
admin_brasildotrecho

Deixe um comentário

Esse website utiliza cookies.

Consulte Mais informação