Caminhões elétricos, a gás e digitais é destaque na Fenatran

Montadoras mostram avançados veículos, discutem a energia alternativa e a evolução da mobilidade

O futuro do transporte sustentável, o avanço de fontes de energia limpas e das tecnologias de conforto e de segurança são destaques da edição 2019 do Salão Internacional do Transporte Rodoviário de Carga (Fenatran). Nos estandes, são encontrados caminhões elétricos, a gás natural e hidrogênio, entre as fontes alternativas, e recursos eletrônicos de condução semi-autônoma. A 22ª edição da Fenatran, que abriu nessa segunda-feira (14)  e se encerra na sexta-feira (19), antecipa a visão dos veículos comerciais e da mobilidade nos próximos anos.

Paralelo à Fenatran, também ocorre no São Paulo Expo o 28º Congresso e Mostra Internacionais SAE BRASIL de Tecnologia da Mobilidade, com o tema Veículos e Vias Inteligentes – O caminho para a Mobilidade Sustentável. 

O e-Delivery será o primeiro veículo comercial elétrico da Volkswagen, que chegará no segundo semestre de 2020. A VW mostra a nova linha completa de caminhões nos segmentos em que atua com 15 modelos da sua marca e da MAN, além da sua gama de serviços digitais, de gestão de frota e de conectividade.

Com a tecnologia da Paccar e de seus veículos da própria marca, DAF, Kenworth e Perterbilt, a filial brasileira poderá produzir veículos híbridos e elétricos em Ponta Grossa (PR). A DAF expõe sua linha CF e LF, o Kenworth T680, lança versão especial do XF 105 Serie Silver e produtos multimarcas TRP, entre outros.

Soluções mais avançadas em produtos e serviços é a proposta da Volvo. A sueca, que tem caminhões autônomos atuando em canaviais, pretende trazer suas avançadas tecnologias de  condução autônoma e caminhões elétricos. Além da linha de veículos, expõe o FH Série especial, que marca os 40 anos no país, e o Iton Knight, o caminhão mais rápido do mundo. 

O novo Daily, com a robustez de um caminhão e condução de automóvel, é umas das novidades da Iveco. Mostra a linha dos leves aos pesados Tector, Hi-Road e Hi-Way. Além dos novos serviços digitais, continuará com os investimentos e irá oferecer veículos movidos com energia natural do GNV e do GNV.

O novo Actros, o caminhão digital conectado, com opções onde câmeras substituem os retrovisores, puxa os lançamentos da Mercedes-Benz. A alemã expõe sua linha de veículos com destaque para as versões do peso-pesado e a van Sprinter. Tanto o Actros quanto a Sprinter trazem avançados recursos eletrônicos usados em carros de passeio.

No seu maior mercado global, a Scania aposta em novas opções movidas a gás GNV e GNL, aliando sustentabilidade e a rentabilidade. A sueca mostra sua gama de produtos com o AXL, autônomo para trabalhos específicos como operações em mineração. No futuro, o elétrico autônomo NXT será o modelo veiculo modular para transporte urbano de passageiros e carga. 

A dirigibilidade de um carro de passeio foi o conceito da PSA para os novos van/minubus Citroën Jumper e Peugeot Boxer em diversas opções. As francesas mostram suas linha de utilitários e novos serviços de mobilidade com a marca Free2Move para conectividade de frotas. 

Fonte: Gaucha ZH
brasildotrecho:

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

Este site usa cookies.

ler