Gatusa, de São Paulo, vai receber mais 36 ônibus Volkswagen até outubro, diz Dibracam


Entre setembro e outubro, passageiros de parte da zona Oeste de São Paulo, vão contar com 36 ônibus novos em circulação.


A empresa Gatusa, que atende do lote Estrutural E9, comprou as 36 unidades da marca Volkswagen, modelo 18.280OTSLE, de piso baixo, seguindo os padrões da SPTrans – São Paulo Transporte, gerenciadora do sistema da capita paulista.

A informação é da Dibracam, de Santo André, concessionária da marca, responsável pela venda.

De acordo com o representante da Dibracam, responsável pela venda, Marcos Meggiolaro Eugenio, os chassis já estão na fabricante de carrocerias Caio, em Botucatu, no interior de São Paulo.



“Esta é a segunda compra feita pela Gatusa nos últimos 18 meses, demostrando a confiança na marca e nos serviços de pós-vendas. Atingimos a participação de 32% na frota total da empresa, com 80 veículos. Os chassis  encontram-se na Caio, onde serão encaroçados no padrão SPTrans, e deverão ser entregues entre setembro e outubro.” – disse.

Os chassis 18.280OTSLE de piso baixo são equipados com motor Euro 5 MAN D08 de 06 cilindros , 280 cavalos e sistema EGR, que elimina a utilização do aditivo  ARLA 32, para seguir os padrões de redução de emissões e poluentes em vigor no País.

O modelo ainda conta com cambio automático ZF Ecolife de seis marchas, retarder, freios ABS+EBD e sistema de “ajoelhamento” para facilitar o embarque e desembarque.

O ônibus 18.280OTSLE é uma das apostas da Volkswagen para ampliar a participação na capital paulista, em especial nos subsistemas estrutural e de articulação regional, onde veículos desta categoria serão os mais aplicados.

MICRO-ÔNIBUS:

A Dibracam também informou vendas de micro-ônibus para empresas de fretamento na capital e região do ABC Paulista.

A Transportes Santa Maria Ltda, de São Bernardo do Campo, e a AS Transportes Ltda, de São Paulo, compraram o modelo 9.160OD Urban, com 4,50 metros de entre-eixos. São duas unidades para cada empresa.

Os micro-ônibus contam com motor Cummins ISF Euro 05 de 160 cavalos, equipado com sistema SCR, que utiliza ARLA 32, além de cambio ZF de 06 velocidades à frente e sistema de freios ABS+ABD.

“O modelo é ideal para atender serviços de viagens e fretamentos. Este conjunto proporciona o melhor custo-beneficio aos operadores. Santa Maria e AS já são clientes da marca de longa data, demostrando a confiança dos clientes na marca e no atendimento de pós-vendas.” – disse.

Os micro-ônibus estão na Marcopolo para encarroçamento no padrão executivo Sênior R, com ar condicionado, 27 lugares, vidros colados e toalete.

Já para a Turismo Singular, de Santo André, foram vendidas duas unidades do modelo 9.160 ODS Urban com 4,50 metros de entre-eixos, dotado de suspensão pneumática.

A configuração é semelhante do modelo sem a suspensão a ar, mas o sistema, segundo Meggiolaro, faz com que o veículo seja mais confortável aos passageiros e reduza o custo operacional dos operadores.

O representante disse ainda que a empresa foi a primeira do Estado de São Paulo a comprar esta configuração com suspensão automática.

“ A Turismo Singular foi a primeira empresa do Estado de São Paulo a adquirir este chassis da marca. Com a nova compra, a Singular terá 03 chassis com suspensão a ar,  fato que demonstra a confiança e a aceitação do novo modelo” – explicou.

As duas unidades já estão na Marcopolo onde vão receber carroceria Marcopolo Sênior R, com ar-condicionado, vidros colocados, 27 lugares e toalete.

Fonte: Diário do Transporte

brasildotrecho:

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

Este site usa cookies.

ler