Categorias Uncategorized

Postos de combustíveis voltam a registrar falta de diesel no Rio Grande do Sul

Publicidade

Petrobras ainda não se manifestou sobre quando o problema será solucionado

Postos de combustíveis do Rio Grande do Sul afirmam que estão recebendo menos diesel do que o necessário para atender a demanda. Em razão disso, segundo o Sulpetro, que é o sindicato da categoria, há falta do combustível nas bombas em alguns locais. 

De acordo com nota da entidade, “estabelecimentos têm recebido diesel somente em quotas mínimas”. Cita exemplos de estabelecimentos em Caçapava do Sul, Canoas, Novo Hamburgo, Osório, Passo Fundo, Rio Grande, Seberi e Três Coroas “que ficaram sem diesel nos últimos dias ou apresentaram dificuldade para comprar o produto”. 



No dia 3 de abril, a reportagem de GaúchaZH divulgou que o mar agitado em Tramandaí, no Litoral Norte, estava causando restrição na entrega de diesel no Estado. Dois dias depois, em nota, a Petrobras informou que a situação estava normalizada e que o diesel F500 e S10 estava chegando normalmente na Refinaria Alberto Pasqualini (Refap), em Canoas, de onde sai o combustível encaminhado aos postos.


A Petrobras voltou a sustentar que a chegada do diesel na Refap e a liberação do mesmo para as distribuidoras estão normalizadas. GaúchaZH busca posição das distribuidoras.

Fonte: Gaucha ZH

Publicidade
Categorias NOTICIA
admin_brasildotrecho

Deixe um comentário

Postagens recentes

Urgente Confederação dos caminhoneiros autônomo descarta greve em 1º fevereiro

A confederação Nacional dos Transportadores Autônomos afasta qualquer possibilidade de greve De acordo com informação da Confederação Nacional dos Transportadores…

2 horas atrás

Caminhoneiros estão a 4 dias na porta de fábrica da Ford

Cerca de 70 caminhoneiros têm que dividir dois banheiros O efeito cascata, em virtude do fechamento das fábricas da Ford…

7 horas atrás

Sindicado do Sudoeste afirma que não vai participar da greve dos caminhoneiros

Presidente informou que lideranças do sindicato não vão aderir o movimento no Sudoeste Ao longo dos últimos meses, é perceptível…

8 horas atrás

Esse website utiliza cookies.

Consulte Mais informação