Postos de combustíveis voltam a registrar falta de diesel no Rio Grande do Sul

Frentista abastecendo veículo

Petrobras ainda não se manifestou sobre quando o problema será solucionado

Postos de combustíveis do Rio Grande do Sul afirmam que estão recebendo menos diesel do que o necessário para atender a demanda. Em razão disso, segundo o Sulpetro, que é o sindicato da categoria, há falta do combustível nas bombas em alguns locais. 
De acordo com nota da entidade, "estabelecimentos têm recebido diesel somente em quotas mínimas". Cita exemplos de estabelecimentos em Caçapava do Sul, Canoas, Novo Hamburgo, Osório, Passo Fundo, Rio Grande, Seberi e Três Coroas "que ficaram sem diesel nos últimos dias ou apresentaram dificuldade para comprar o produto". 

No dia 3 de abril, a reportagem de GaúchaZH divulgou que o mar agitado em Tramandaí, no Litoral Norte, estava causando restrição na entrega de diesel no Estado. Dois dias depois, em nota, a Petrobras informou que a situação estava normalizada e que o diesel F500 e S10 estava chegando normalmente na Refinaria Alberto Pasqualini (Refap), em Canoas, de onde sai o combustível encaminhado aos postos.

A Petrobras voltou a sustentar que a chegada do diesel na Refap e a liberação do mesmo para as distribuidoras estão normalizadas. GaúchaZH busca posição das distribuidoras.
Fonte: Gaucha ZH

Nenhum comentário

Deixe seu comentário...