Caminhão vazio fica atolado em cratera perto do Unipam; retroescavadeira faz a remoção

Foi preciso uma retroescavadeira para fazer a retirada do veículo.

A precariedade da pavimentação das ruas de Patos de Minas não para de causar transtornos. Na tarde desta quinta-feira (27), um motorista teve o trabalho interrompido ao passar pela Rua Jayme Ramos, próximo ao Unipam. O caminhão ficou atolado em uma cratera aberta no asfalto. Foi preciso uma retroescavadeira para fazer a retirada do veículo.

O motorista do caminhão, Leandro Amaral Rocha, contou que seguia na Rua Olimpio Pereira de Melo e, ao virar na Rua Jayme Ramos, acabou ficando atolado. A roda dianteira afundou por mais de 40 centímetros no barro e o eixo acabou se apoiando na pavimentação. O condutor ficou indignado com a situação e cobrou providências da Prefeitura.

O motorista disse que há menos de 1 mês o asfalto da Jayme Ramos foi reparado, mas acabou abrindo de novo. Os moradores também pediram uma solução definitiva para o local. Uma retroescavadeira que está trabalhando em obras no Unipam foi até a rua e conseguiu remover o veículo que estava vazio. O caminhão ficou preso por cerca de 1 hora.

E o buraco que ficou no local impressionou a todos. Com cerca de 2 metros de profundidade, galhos de árvore tiveram que ser colocados na cratera para sinalizar o problema e evitar algum acidente. Os motoristas que forem trafegar pela rua devem redobrar os cuidados, porque o risco de acidentes é realmente muito grande. 
Fonte: Patos hoje

Nenhum comentário

Deixe seu comentário...