Prefeitura apresenta novo ônibus de R$ 300 mil e garante renovar 10% da frota em Rio Branco até o final deste ano

Veículo tem capacidade para 200 passageiros e possui ar-condicionado. O ônibus articulado vai fazer a linha 103 para o Santa Maria

O primeiro ônibus articulado com ar-condicionado de Rio Branco vai poder transportar até 200 passageiros por viagem. A aquisição do veículo que custou R$ 300 mil foi anunciada na manhã desta quinta-feira (25) pela Superintendência Municipal de Transporte (RBTrans).

Conforme o superintendente do órgão, Gabriel Forneck, o objetivo é que até o final deste ano 10% do transporte coletivo seja renovada na capital acreana.

"Os novos ônibus, que fazem parte da renovação dos 10%, somam 16 e todos também vão ter ar-condicionado. A determinação da prefeita é que até 2020 todo ônibus que vier para o sistema de transporte público tenha o ar-condicionado e já emplacado em Rio Branco. Não vamos mais aceitar ônibus que não estejam nesse formato", afirma.

O ônibus articulado vai fazer a linha 103 para o Santa Maria e está dentro das normas exigidas para que não polua o meio ambiente.

Renovação da frota
Forneck afirma que o órgão elabora projetos técnicos em parceria com o Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo (Sindcol) para que possam apresentar novas propostas de corredores exclusivos para ônibus e criação de novas linhas.

O superintendente destaca que antes mesmo do aumento da tarifa de ônibus para R$ 3,50 o Conselho Tarifário já havia discutido com a prefeitura que deveriam ser feitas melhorias no transporte público.

"A prefeitura no decreto do reajuste já havia colocado que todos os novos ônibus deveriam ser emplacados em Rio Branco e ter o ar-condicionado e serem novos. Então estamos trabalhando para melhorar cada vez o transporte", destaca.

Bilhetagem eletrônica
Outro objetivo da RBTrans é que até o final do ano o sistema de bilhetagem eletrônica funcione em todos os ônibus e não haja mais recebimento de dinheiro. Forneck afirma que o órgão possui 19 pontos de venda e recargas de cartão em Rio Branco e isso deve ser ampliado.


“Queremos dobrar até o final do ano os pontos de revenda. Já estamos com quase 80% do sistema com a bilhetagem e queremos atingir os 100% até dezembro para em janeiro de 2019 trabalhar apenas com o bilhete eletrônico nos coletivos e não mais com recebimento de dinheiro”, ressalta.
Fonte: G1