Caminhoneiros sofrem com assaltos e sequestros na Rodovia Fernão Dias

Caminhoneiros sofrem com assaltos e sequestros na Rodovia Fernão Dias

Polícia Rodoviária Federal diz que reforçou patrulhamento por causa das ocorrências.

Os roubos na Rodovia Fernão Dias, que liga São Paulo a Belo Horizonte, estão deixando muitos caminhoneiros com medo. No caso mais recente de violência, cinco caminhoneiros foram mentidos reféns no mesmo cativeiro. Os ladrões deixaram as vítimas no local enquanto roubaram as cargas valiosas.

A Polícia Rodoviária Federal reconhece a gravidade da situação e está remanejando agentes do trabalho burocrático para reforçar a segurança na estrada.

Os policiais rodoviários prenderam um homem que disse ter roubado uma carreta carregada com produtos de higiente em Pouso Alegre (MG). Ele iria entregar aos receptadores em um posto de gasolina em São Paulo. O ladrão nem se preocupou se o veículo tinha rastreador. Ele usou um equipamento que bloqueia sinal de radiocomunicadores e de celulares chamado de "capetinha".

Na Fernão Dias, os ladrões fazem roubos em série e atacam a qualquer hora. Nesta terça-feira (30), às 7h30, uma van transportava kits de exames para laboratórios foi cercada no bairro do Jaçanã, na Zona Norte de São Paulo. O motorista foi sequestrado e passou 18 horas em um cativeiro.

Homem é preso por assaltar e sequestrar caminhoneiro na Fernão Dias

Uma parente dele contou que outros quatro motoristas também foram mantidos reféns no mesmo lugar. O rapaz e outros dois motoristas foram libertados somente na madrugada desta quarta-feira (31). A van desapareceu.


E não é só roubo. Tem outro tipo na estrada. Na semana passada, os policiais desconfiaram de três homens em um carro. Eles transportavam drogas e R$ 27 mnil no fundo falso do carro.

As denúncias de roubos na Fernão Dias podem ser feitas pelo telefone 191. Não é preciso se identificar.
Fonte: G1