VW Delivery 6.160: Uruguai é o primeiro país da América do Sul a receber a novidade


A nova família Delivery acaba de carimbar o passaporte em um novo destino: o Uruguai. Os modelos VW Delivery 6.160, 9.170 e 11.180 estrearam nesta quinta-feira (26) em Montevidéu, capital uruguaia, onde a MAN Latin America lidera as vendas de caminhões acima de 5 toneladas e é representada pelo importador oficial Lestido S.A.

O Uruguai é também o primeiro país da América do Sul para o qual a fábrica da MAN Latin America em Resende (RJ) começa a exportar o 6.160, até então vendido apenas localmente e no México, na América do Norte.
Os modelos 9.170 e 11.180, por sua vez, já são sucesso nos vizinhos Argentina e Chile, além do México. Com a chegada ao Uruguai a nova família Delivery passa a ser vendida em cinco países diferentes em cerca de seis meses após seu lançamento mundial.

"O segmento de caminhões leves é um dos mais representativos da América Latina e a nova família Delivery traz inovação e tecnologia a esse mercado, seguindo padrões mundiais de certificação e qualidade. Isso justifica a recepção que os modelos já tiveram nos países onde foram apresentados e nos deixa confiantes no sucesso no Uruguai", comenta Marcos Forgioni, vice-presidente de Vendas e Marketing - Mercados Internacionais da MAN Latin America.



O desenvolvimento da nova família Delivery contou com investimento de mais de R$ 1 bilhão. O produto reúne os atributos de um caminhão grande num veículo pequeno, tais como espaço interno e robustez, com design moderno.

A nova geração da linha Delivery foi projetada e desenvolvida para definir um novo patamar no atendimento às necessidades do cliente, combinado aos valores atemporais Volkswagen: soluções sob medida, perfeita funcionalidade e qualidade visual. Assim foi criada uma linguagem lógica de design, com a ênfase dada pelo time de design na funcionalidade e na estética singular.

As linhas de design limpas e a grande atenção aos detalhes, tal como nos carros de passeio, são marcas notáveis da novidade neste segmento. Ao mesmo tempo, a nova família Delivery evoca a força, a robustez e a alta qualidade dos produtos Volkswagen. O exterior é estruturado em uma base robusta, com para-choques, faróis, carroceria com fortes características de design e uma imagem orgulhosa da marca.

O espaço interno é outro marco, baseado nos padrões e dimensões mais atuais. Para isso, uma ampla matriz de exigências foi verificada em itens ergonômicos e de design para diminuir o desgaste do motorista e passageiros. Logo, todas as peças interiores e as dimensões da cabine foram aperfeiçoadas para as melhores soluções.

O chassi, o motor e a ergonomia do condutor apresentam-se da forma mais equilibrada possível, resultando em um veículo atualizado, pronto para o presente e o futuro. Aerodinâmica e desempenho marcam presença nesse desenvolvimento: graças ao trabalho conjunto entre design digital e engenharia foi possível conceber um modelo repleto de inovações por toda parte.

Outros elementos funcionais, como defletores de ar, são naturalmente integrados às características visuais, desde a lateral da porta até a grade dianteira e os faróis.

Conheça a nova família, modelo a modelo:

Delivery 6.160 - Não faltam atributos a um dos modelos que já chega com a missão de manter a marca Volkswagen no topo do ranking de caminhões mais vendidos. Com a melhor manobrabilidade da categoria, o modelo conta com cabine ampla e confortável, caixa ESO-4206 de seis velocidades e motorização Cummins ISF de 2,8l e solução SCR para o pós-tratamento de gases e potência que chega a 160 cv e torque máximo de 430 Nm. Com importantes vantagens operacionais em relação à concorrência, confere agilidade a toda prova para as entregas urbanas que demandam maiores volumes de carga.


Delivery 9.170 - Cada componente do novo Delivery 9.170 foi desenvolvido com os mais inovadores materiais e o resultado é um modelo altamente sustentável, com redução de peso da ordem de 10% na comparação com seu antecessor e, consequentemente, mais economia de combustível, menos emissões e maior capacidade de carga. Seu motor é o Cummins ISF de 3,8 litros e tecnologia SCR, com robustez ideal para cada aplicação, torque máximo de 600 Nm e 165 cv de potência. A transmissão manual é a ESO-6106, com seis velocidades, e o modelo contará ainda com transmissão automatizada.

Delivery 11.180 - Indicado para entregas urbanas com agilidade, rapidez nos serviços rodoviários de curtas e médias distâncias, o novo Delivery 11.180 combina confiabilidade, robustez e o melhor desempenho da categoria. É equipado com motor Cummins ISF, de 3,8 litros e tecnologia SCR, com torque máximo a 600 Nm e 175 cv de potência e transmissão manual ESO-6106. O modelo contará ainda com transmissão automatizada.

Mais de 4 milhões de quilômetros de testes

Pistas especiais, trânsito urbano e estradas. Antes de seu lançamento, a nova família Delivery encarou todos os tipos de rodagem no Brasil e na América Latina para somar mais de 4 milhões de quilômetros - o maior teste já realizado para o lançamento de um integrante da linha leve de caminhões. As novidades passaram por ensaios nos mais severos ambientes e locais: das pistas do campo de provas da fábrica de Resende à Cordilheira dos Andes, Estados Unidos e Europa.

Sensores e instrumentos especiais foram instalados em todo o veículo, submetido às mais adversas condições de rodagem para pôr à prova a durabilidade e a robustez de componentes como chassi, suportes, travessas, tanque de combustível, suporte do estepe, dentre outros.

Testes de descongelamento e desembaçamento foram realizados em baixas temperaturas com o objetivo de testar a capacidade dos sistemas de ar-condicionado e ventilação em condições extremas, nas quais a segurança pode ser comprometida pela baixa visibilidade.

A nova família Delivery também passou pela Cordilheira dos Andes: no Chile os veículos foram submetidos a condições de rodagem em temperaturas de -10 °C, em altitudes de até 4,5 mil metros em relação ao nível do mar, condição necessária para testar o comportamento do motor nas condições mais adversas. 
Fonte: Terra