Caminhão Atego se destaca em instalações de postes e manutenção da rede elétrica


A crescente aprovação dos caminhões Atego no Nordeste do Brasil passa pela eficiência e produtividade na prestação de serviços à população. É o que atesta a Control Construções, empresa com matriz em João Pessoa, na Paraíba, que atua no setor de eletrificação e atende diversos estados da região. Nos últimos dois anos, o cliente adquiriu 55 caminhões para estas operações, entre Atego 1419 (do segmento de médios, com 14.300 kg de PBT) e Atego 1719 (semipesado, com PBT técnico de 17.100 kg), que receberam carroçarias equipadas com munck e cesto aéreo. Todos esses modelos contam com Planos de Manutenção Best Basic.

Dos cerca de 700 caminhões Atego emplacados no Nordeste em 2017, o que significa 37% de crescimento sobre o mesmo período do ano anterior, aproximadamente 100 unidades foram adquiridas por várias empresas para atividades de eletrificação nas cidades e nas zonas rurais, especialmente a instalação de postes e manutenção da rede elétrica.


“Trabalhamos com o Atego porque acreditamos ser o melhor que se aplica hoje em nossa atividade operacional”, afirma Samuel Bezerra de Menezes, da equipe de transportes da Control Construções. “O Atego tem o melhor custo/benefício, além de trazer tecnologias que são diferenciadas de outros caminhões. Com isso, a gente tem ganhado muito por conta dos condutores, que hoje têm tecnologias mais avançadas nos caminhões”.

Samuel também ressalta o ganho com manutenção. “O Atego tem atendido o nosso plano, que é severo, porque nossos caminhões também trabalham fora da estrada”, diz ele.

Na avaliação de Leandro Moreira de Oliveira, também da equipe de transportes da Control, o Atego é bastante econômico e atende todas as demandas da empresa. “O fato deste caminhão ser eletrônico, com tudo no painel, ajuda muito. O Atego já avisa o condutor, assim ele tem como se precaver caso aconteça alguma ocorrência com o veículo”, afirma Leandro. “Em relação ao concorrente, o Atego é melhor em conforto e praticidade”.

Samuel e Leandro deram depoimentos para o 1º episódio da websérie especialmente criada pela Mercedes-Benz para destacar a expansão dos caminhões Atego no Nordeste do Brasil

Vendas do Atego crescem 30% no Brasil em 2018

No primeiro trimestre de 2018 foram emplacados cerca de 1.100 caminhões Atego no Brasil, o que representa mais de 30% de crescimento sobre as 840 unidades do mesmo período do ano passado.

Ao longo de 2017, a linha Atego foi a mais vendida da marca no País. No acumulado do ano, foram emplacados 4.635 caminhões Atego, 27% a mais do que o volume de 3.651 unidades de 2016. Os modelos mais vendidos foram os semipesados 1719 4×2 (1.057 unidades), 2426 6×2 (1.015 unidades) e 2730 6×4 (657 unidades).

Atego assegura conforto e excelente dirigibilidade

A crescente aceitação dos caminhões Atego no Nordeste deve-se, entre vários fatores, ao conforto no interior da cabina para o motorista e os ajudantes, bem como à facilidade de manobra na cidade e na zona rural, proporcionada pela cabina avançada. Essas vantagens do modelo otimizam o trabalho das equipes de instalação de postes e manutenção da rede elétrica, bem como de várias outras aplicações de transporte de carga e prestação de serviços.

“O Atego substituiu com excelência o Atron, mantendo seus atributos de força, robustez e resistência, mas agregando mais vantagens, como maior capacidade de carga, mais conforto e economia”, afirma Ari de Carvalho, diretor de Vendas e Marketing Caminhões da Mercedes-Benz do Brasil. “O aumento de vendas no Nordeste mostra que os clientes locais já entenderam os ganhos e estão percebendo cada vez mais os diferenciais do Atego”.

Segundo o executivo, o êxito do Atego no Nordeste também é fruto das ações de demonstração e test-drive realizados na região. “Intensificamos nossa presença junto aos clientes e motoristas locais, levando o Atego para testes de dirigibilidade e até em operações de frotistas”, diz Ari de Carvalho. “Isso reforça o compromisso da Empresa em ouvir o que os nossos clientes têm a dizer, transformando suas demandas em novas soluções. Tudo a ver, portanto, com o slogan: As estradas falam. A Mercedes-Benz ouve”.

Atego se destaca pelos diversos itens do ECONFORT

A linha Atego oferece ao mercado diversos itens derivados do conceito ECONFORT, filosofia de desenvolvimento voltada à economia, conforto, força e desempenho no transporte de cargas.

Entre seus destaques incluem-se: Pacote Robustez com bloqueio de diferencial transversal, protetor de cárter e do filtro de ar e mola traseira trapezoidal; câmbio totalmente automatizado Mercedes PowerShift para o Atego 2426 6×2; nova geração do Mercedes PowerShift para o Atego 3030 8×2; Mercedes PowerShift com auxílio de partida em rampa e sensor de inclinação de via; novo climatizador; painel de instrumentos com novas funções; piloto automático com foco em menor consumo; HSA (Hill Start Aid) – auxílio de partida em rampa; EDB (Eletronic Brake Force Distribution) – sistema de distribuição da força de frenagem; e ASR – controle de tração.

Sobre a Control Construções

Fundada em 1999 na cidade de João Pessoa, capital da Paraíba, a Control Construções atua nas áreas de energia, obras civis e infraestrutura. Seu portfólio abrange obras em linhas de transmissão, redes de distribuição e subestações, como também serviços comerciais e de manutenção de rede, iluminação pública, barragens, estradas, terraplanagem, pontes, adutoras, infraestrutura urbana, unidades de habitação e outros.

Entre seus clientes figuram a COSERN (Companhia Energética do Rio Grande do Norte) e a COELBA (Companhia de Eletricidade do Estado da Bahia), empresas do Grupo Neoenergia, que distribui energia elétrica a 5,8 milhões de unidades consumidoras, atendendo a 15,3 milhões de pessoas. É a terceira maior distribuidora de energia elétrica do País em número de clientes e a sexta em volume de energia distribuída, de acordo com o ranking da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).